Editora Thoth nas redes sociais:

     

O Alienista & O Cemitério dos Vivos

R$ 55,00
Adicionar ao Carrinho

*Previsão de envio a partir do dia 27/04/2021


“O Alienista” de Machado de Assis e “O cemitério dos Vivos” de Lima Barreto são as duas obras que compõem esse terceiro livro da Coleção da Editora Thoth “Literatura para Juristas”. Iniciamos com Dom Casmurro de Machado de Assis, e seguimos com Esaú de Jacó, do mesmo autor, “o bruxo do Cosme Velho”.

Optamos por juntar os dois textos literários neste terceiro livro e atribuir a ele o título “Razão e Loucura”. Os motivos são dois: o tamanho dos textos, que são relativamente pequenos, e a temática, que guarda pertinência, tratando da loucura, que compreendemos como uma “desrazão”. O tema é psicanalítico, é de história da cultura e também é, substancialmente, um assunto jurídico.

Há uma tradição na teoria crítica que aproxima prisão, escola e hospital como instâncias muito parecidas na construção de comandos para dulcificação e dominação. Essa tradição, que predica em Michel Foucault, explicita algum interesse que a reflexão jurídica possa ter em relação ao encarceramento de justificativa psicanalítica. É o que justifica o presente volume, mediado pela história e pela referência a duas obras centrais de nosso cânone literário.

Categorias: ,
Tags:
Autores: Arnaldo Sampaio de Moraes Godoy , Bruno Fuga

*Previsão de envio a partir do dia 27/04/2021


“O Alienista” de Machado de Assis e “O cemitério dos Vivos” de Lima Barreto são as duas obras que compõem esse terceiro livro da Coleção da Editora Thoth “Literatura para Juristas”. Iniciamos com Dom Casmurro de Machado de Assis, e seguimos com Esaú de Jacó, do mesmo autor, “o bruxo do Cosme Velho”.

Optamos por juntar os dois textos literários neste terceiro livro e atribuir a ele o título “Razão e Loucura”. Os motivos são dois: o tamanho dos textos, que são relativamente pequenos, e a temática, que guarda pertinência, tratando da loucura, que compreendemos como uma “desrazão”. O tema é psicanalítico, é de história da cultura e também é, substancialmente, um assunto jurídico.

Há uma tradição na teoria crítica que aproxima prisão, escola e hospital como instâncias muito parecidas na construção de comandos para dulcificação e dominação. Essa tradição, que predica em Michel Foucault, explicita algum interesse que a reflexão jurídica possa ter em relação ao encarceramento de justificativa psicanalítica. É o que justifica o presente volume, mediado pela história e pela referência a duas obras centrais de nosso cânone literário.

SOBRE OS ORGANIZADORES

APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO

APRESENTAÇÃO O ALIENISTA E O CEMITÉRIO DOS VIVOS


O Alienista de Machado de Assis


CAPÍTULO I

DE COMO ITAGUAÍ GANHOU UMA CASA DE ORATES

CAPÍTULO II

TORRENTES DE LOUCOS

CAPÍTULO III

DEUS SABE O QUE FAZ

CAPÍTULO IV

UMA TEORIA NOVA

CAPÍTULO V

O TERROR

CAPÍTULO VI

A REBELIÃO

CAPÍTULO VII

O INESPERADO

CAPÍTULO VIII

AS ANGÚSTIAS DO BOTICÁRIO

CAPÍTULO IX

DOIS LINDOS CASOS

CAPÍTULO X

RESTAURAÇÃO

CAPÍTULO XI

O ASSOMBRO DE ITAGUAÍ

CAPÍTULO XII

O FINAL DO § 4º

CAPÍTULO XIII

PLUS ULTRA!

FIM


O Cemitério dos Vivosde Lima Barreto


1º Parte

Anotações para O Cemitério dos vivos

CAPÍTULO I

1920 - 4 de Janeiro

O Pavilhão e a Pinel

CAPÍTULO II

Na Calmeil

Os Primeiros Dias - (de 29-12-19 a 4-1-20)

CAPÍTULO III

A Minha Bebedeira e a Minha Loucura

CAPÍTULO IV

Alguns Doentes

CAPÍTULO V

Guardas e Enfermeiros

CAPÍTULO VI1

CAPÍTULO VII

CAPÍTULO VIII

CAPÍTULO IX

CAPÍTULO X

Sem data

2 ª parte

Cemitério dos vivos [fragmentos]

CAPÍTULO XI

CAPÍTULO XII

CAPÍTULO XIII

CAPÍTULO XIV

Fim

ISBN 978-65-5959-047-6
Dimensões 23 x 15.5 x 2
Tipo do Livro Impresso
Páginas 322
Edição 1
Idioma Português
Editora Editora Thoth
Publicação Abril/2021
  1. Arnaldo Sampaio de Moraes Godoy
    É livre-docente em Teoria Geral do Estado pela USP e doutor e mestre em Filosofia do Direito e do Estado pela PUC-SP. Tem MBA pela FGV-ESAF e pós-doutorados pela Universidade de Boston (Direito Comparado), pela UnB (Teoria Literária) e pela PUC-RS (Direito Constitucional). Professor e pesquisador visitante na Universidade da Califórnia (Berkeley) e no Instituto Max-Planck de História do Direito Europeu (Frankfurt).
  2. Advogado e Professor. Doutor em Direito Processual Civil pela PUC/SP (2020). Pós-doutorando pela USP. Membro titular efetivo, cadeira n.º 32, da Academia de Letras de Londrina. Mestre em Direito pela UEL (linha de Processo Civil). Pós-graduado em Processo Civil pelo IDCC (2009). Pós-graduado em Filosofia Jurídica e Política pela UEL (2011). Foi aluno especial no Mestrado em Filosofia pela UEL (2011) e Letras pela UEL. Estudou inglês na Kings London, Inglaterra, no ano de 2011. Foi Coordenador e fundador da Comissão de Processo Civil da OAB/Londrina; atualmente é vice coordenador da Comissão. É Coordenador da Comissão de Processo Constitucional da OAB/Londrina. É coordenador da pós-graduação em Processo Civil do IDCC Londrina. Coordenador do Grupo de Pesquisa em Processo Civil do IDCC. É membro da ABDPro (Associação Brasileira de Direito Processual). É membro e vice-presidente do IDPA (Instituto de direito processual aplicado). É membro do IBPD (Instituto brasileiro de processo civil). Conselheiro da OAB Londrina/PR. Editor chefe da Editora Thoth. É autor de diversos artigos publicados em periódicos especializados, dentre eles European Scientific Journal, SSRN (NY) e Riedpa (Espanha). Autor de diversos livros.

Acessar Conta



Esqueceu sua senha?

Esqueceu sua senha?

Digite seu e-mail abaixo para iniciar o processo de recuperação de senha.